MAMUTEFOTO

Blog

Como escolher minha primeira câmera?

  Escolher sua primeira câmera não é tarefa fácil. Hoje existem dezenas (se não centenas) de modelos. Além disso, os celulares aparecem cada vez com câmeras melhores o que deixa a decisão ainda mais difícil. Esse post está aqui para tentar te ajudar com algumas dúvidas que podem surgir durante o processo. Se mesmo assim continuar muito difícil, entre em contato. Ficarei feliz em te ajudar com qualquer dúvida.

como escolher minha primeira câmera

Para começar acho muito importante a seguinte pergunta:

Eu realmente preciso de uma câmera? 

  Se gostamos de fotografar porém não estamos satisfeitos com nossas fotos de celular, é comum acreditarmos de que uma câmera "profissional" nos fará tirar fotos melhores. Isso é verdade, mas somente em parte. Comprar uma boa câmera algumas vezes nos ajudará a tirar fotos mais nítidas, provavelmente nos ajudará naquelas fotos durante a noite ou em condições mais "extremas", porém, na maioria das situações, a diferença no resultado será pequena e então teremos gastado uma quantidade significativa de dinheiro à toa.

  Felizmente a indústria de celulares tem feito um excelente trabalho em entender o que faz a diferença para uma boa foto e tem caminhado a passos largos para que possamos fazer excelentes registros do nosso dia a dia, viagens, e todos os outros momentos importantes.

  Portanto, digo com tranquilidade: se você não está interessado em aprender a "arte da fotografia", mas quer tirar fotos melhores, invista seu dinheiro em um celular de ponta. É possível que você gaste menos do que comprando uma câmera, terá ótimos resultados e ainda poderá carregá-lo no seu bolso (Prometo que em breve faço um post sobre câmeras de celular e o que prestar atenção quando for comprar um).

 Além do celular, a Gopro pode ser uma excelente opção. Ela é ótima para viagens, selfies em grupo, esportes e para quem quer mesclar fotografia e video.

Além do celular, a Gopro pode ser uma excelente opção. Ela é ótima para viagens, selfies em grupo, esportes e para quem quer mesclar fotografia e video.

Sim, eu preciso de uma câmera!

  Se após ler o início desse post sua resposta é: sim, preciso de uma câmera! Vamos para a segunda pergunta:

Para que e onde vou usar minha câmera?

  Os fabricantes de câmeras, como a maior parte da indústria, muitas vezes acaba esquecendo dos usuários de seus produtos e acabam travando uma guerra de atributos técnicos, que no final mais atrapalha do que ajuda na hora da compra. Portanto, antes de nos preocuparmos com questões técnicas acho importante pensarmos no nosso dia a dia. Afinal do que adianta ter uma câmera fantástica se usá-la acabar em um incômodo? Então vamos para um exemplo que nos ajuda a pensar esses requisitos:

Ex 1: Adoro viajar, e quero uma câmera sempre comigo para tirar fotos e gravar videos da família, dos amigos e dos lugares incríveis que conheço!

  Por experiência própria, uma câmera "profissional" não é um objeto pequeno, muitas vezes ela demanda uma bolsa ou mochila quase exclusiva o que pode se tornar uma inconveniência para muitas pessoas. Portanto, tamanho é algo que deve ser levado em conta e que por mais insignificante que pareça, faz diferença. Hoje, considerando as principais marcas, existem basicamente 3 "tipos" de câmera: As DSLR (Traduzindo para o português: Câmeras Reflex de Lente Única), as Mirrorless (Ou no português: sem espelho) e as Compactas. Vamos falar um pouco de cada uma:

DSLR - São as que, popularmente, levam a fama de câmeras profissionais, apesar de muitos fotógrafos profissionais usarem os outros "tipos" para fazer suas fotos. São câmeras grandes e robustas. Possuem lentes intercambiáveis o que permite seu uso em uma variedade enorme de situações. Além disso, por estarem há um bom tempo no mercado, possuem muitos acessórios e lentes de altíssima qualidade. 

Mirrorless - Muitos a consideram a evolução das DSLR, como seu próprio nome diz, não possuem o espelho que deu o nome Reflex a tantas câmeras e faz isso por meio de artifícios eletrônicos. São câmeras menores e mais leves. Permitem a troca de lentes, porém, com menos opções no mercado já que são uma tecnologia relativamente nova.

Compactas Avançadas - São a evolução das nossas antigas câmeras de bolso. Com a canibalização das câmeras digitais automáticas pelos celulares, as marcas de câmeras começaram a apostar nessas câmeras, que são pequenas e muito portáteis, mas que possuem configurações semelhantes às câmeras mais "profissionais". Apesar de não contarem com a possibilidade de trocar as lentes, elas geralmente possuem uma boa lente zoom em uma faixa que cobre a maioria das necessidades de uma viagem, por exemplo.

  Na minha opinião, se seu objetivo com as fotos é guardar as memórias de lugares ou momentos importantes, uma câmera compacta faz esse trabalho de forma excelente e além disso da muito menos trabalho para carregar, chama muito menos atenção, costuma ter controles mais intuitivos e ainda permite um primeiro passo no aprendizado dos controles básicos de uma câmera manual (se estiver disposto a tal, caso contrário, coloque no automático e seja feliz). Minha primeira câmera foi uma compacta e até hoje carrego ela comigo, confesso que muitas das minhas fotos favoritas (algumas delas estão aqui no site) fiz com ela.

 Se a sua conclusão for comprar uma maquina Compacta, recomendo comprar uma com controles manuais, ela fará tudo que uma automática faria e ainda te fornece a possibilidade de aprender os controles de uma câmera mais "avançada".

Se a sua conclusão for comprar uma maquina Compacta, recomendo comprar uma com controles manuais, ela fará tudo que uma automática faria e ainda te fornece a possibilidade de aprender os controles de uma câmera mais "avançada".

Ex 2: Para mim, fotografia é mais do que um registro dos bons momentos. Adoraria aprender a fotografar melhor e fazer aquelas fotos "profissionais".

  Se você quer tornar a fotografia um hobby ou até pensar em se profissionalizar vale a pena considerar as outras duas opções de câmera. Não porque elas farão imagens muito melhores do que uma Compacta no começo da sua jornada, mas porque ela te dará a possibilidade de evolução. Ou seja, conforme for aprendendo coisas novas e refinando sua fotografia pode ir acrescentando novas lentes e acessórios para fazer fotos diferentes. Lembre-se porém de que isso vem a um custo alto e, além disso, câmeras de lente intercambiável demandam mais cuidados, como por exemplo a limpeza do sensor de tempos em tempos.

E como escolher entre as DSLR e as Mirrorless?

  Essa é uma pergunta que tem causado muita discussão no mundo da fotografia. Não existem atributos que claramente coloquem uma delas em posição de destaque e por isso, o enorme dilema. Se você precisa de uma câmera que será usada por longos períodos contínuos, as DSLR costumam ter uma bateria com a vida mais longa. Se espaço e peso são um fator importante as Mirrorless costumam ser menores e mais leves. Se seu uso é tirar fotos de objetos ou pessoas em movimento, como em esportes, as DSLR costumam ter um sistema de foco automático mais rápido preciso. Se por um lado as Mirrorless são uma tecnologia mais atual, por outro é bem mais complicado achar acessórios para elas, isso tende a mudar, mas vivendo no Brasil isso parece uma realidade um pouco distante. Existe uma diferença, porém, que para mim é muito importante: enquanto nas DSLR você enxerga a imagem que entra pela sua lente (como em um telescópio) nas Mirrorless o que você vê é a imagem interpretada pela sua câmera, ou seja, ao olhar pelo visor da câmera você prevê a imagem como ela será depois de fotografada enquanto na DSLR isso só será possível depois do clique (a não ser que você use a tela LCD em vez do visor da câmera). Isso faz com que seja mais rápido "acertar" sua foto com uma câmera Mirrorless. Tente experimentar as duas e veja a que você se sente mais confortável em usar, sinta como elas encaixam em sua mão, pense no tempo que usará ela, pense se você precisa de discrição, se carregar sua câmera será um problema, pense também no futuro, afinal, como falei anteriormente uma câmera dessas pode "crescer" junto com seu nível fotográfico. Em termos de resultado de imagem não terão muita diferença, então acaba sendo mais importante pensar em requisitos menos técnicos.

Te ajudei na primeira parte da escolha? Agora vamos para as próximas preocupações:

Um pouco sobre os aspectos técnicos:

  Vamos falar um pouco sobre a parte chata, mas prometo que vou tentar ser o mais breve possível. Quando pensamos nos atributos de uma câmera, a maior parte das pessoas se preocupa com a quantidade de megapixels que ela tem, assumindo que quanto mais megapixels, melhor a câmera. Isso não é necessariamente verdade. Na fotografia, se considerarmos câmeras da mesma "geração" o que garantirá uma imagem melhor será o tamanho do pixel e não a quantidade deles. Então, pela lógica, quanto maior o sensor da sua câmera, melhor será o resultado das suas fotos. O que a maior quantidade de pixels fará, além de gerar arquivos mais pesados, será permitir uma maior ampliação da sua imagem. Hoje a maioria dos fabricantes trabalha na faixa dos 18-24 megapixels e talvez um pouco menos nas câmeras compactas. Isso é mais que suficiente para fotos com excelente resolução. Minha câmera compacta tem resolução máxima de 12 megapixels e consigo excelentes resultados com isso.

Se o tamanho do sensor é mais importante, qual devo escolher?

Existem muitos tamanhos diferentes de sensor, mas vou falar dos 3 mais comuns.

Full Frame ou 35mm - É o sensor profissional (entre profissionais ele costuma ser conhecido como o padrão) e equipa as melhores câmeras.

APS-C - É um tamanho intermediário, com ótimo custo benefício e que também permite excelentes resultados, por ser menor, as câmeras acabam sendo menores também. Mas perde em performance para o Full Frame, principalmente em situações de pouca luz.

Four Thirds - O menor dos sensores mais "famosos", mas ainda consideravelmente maior do que a maioria dos sensores em câmeras compactas. Entrega resultados muito próximos aos do APS-C sendo ainda uma excelente escolha.

  O que é importante dizer é que o tamanho do sensor, além de ser o que mais impacta na qualidade da imagem é também o que mais influência no preço das câmeras. Então se uma câmera é expressivamente mais cara que as outras, não é necessariamente pela quantidade de funções, mas muito provavelmente porque possui um sensor maior.

E os outros fatores?

  Como prometi ser breve, não vou entrar em outros detalhes, mas existe um que é de extrema importância e não posso deixar de falar, A LENTE!!!!

  COMPRE A MELHOR LENTE QUE PUDER! Uma boa lente faz MUITA diferença na qualidade da imagem, e boas lentes costumam custar mais do que a câmera. Não se sinta mal por isso, pense que mesmo que você troque sua câmera a lente poderá continuar a ser usada. Os corpos da câmera tem vida útil mas a lente, se bem cuidada, praticamente não tem. Então, invista mais nas lentes do que no corpo da câmera.

 A fotografia só existe por causa da luz e para a luz chegar no sensor, seja ele um Full Frame ou seus irmãos menores, ela precisa passar pela Lente. Então não adianta absolutamente nada você ter um corpo de câmera incrível se sua lente não permitir que uma "boa" luz entre nele. Uma boa lente em um corpo de câmera mais barato tem melhores resultados do que um corpo caro com uma lente ruim.

A fotografia só existe por causa da luz e para a luz chegar no sensor, seja ele um Full Frame ou seus irmãos menores, ela precisa passar pela Lente. Então não adianta absolutamente nada você ter um corpo de câmera incrível se sua lente não permitir que uma "boa" luz entre nele. Uma boa lente em um corpo de câmera mais barato tem melhores resultados do que um corpo caro com uma lente ruim.

E qual lente eu escolho?

  A escolha da primeira lente é muito pessoal, depende muito da pergunta que fiz lá no começo desse post: Para que e onde vou usar minha câmera?

  Muitos fotógrafos costumam recomendar uma lente fixa para começar (pra ficar fácil de entender, fixa significa sem zoom). A ausência de zoom, faz com que você aprenda a se movimentar e se posicionar melhor em relação ao assunto fotografado. Além disso, as lentes fixas costumam ter melhor definição, fidelidade nas cores e costumam ser mais claras (melhores para usar em situação de pouca luz). Se você costuma tirar fotos em ambientes onde as distâncias, ou o assunto fotografado são fáceis de controlar eu concordo muito com a indicação de uma lente fixa. Discordo, porém, que essa seja a única opção para a primeira lente. Para que você aprenda a fotografar é importante muita prática. E para continuar praticando, o prazer em conseguir fazer as fotos que quer é fundamental. Uma lente fixa, apesar de te ajudar a evoluir muito rapidamente, vai te impedir de fazer muitas fotos desejadas durante o percurso. Pessoalmente, na maioria dos casos, recomendo uma Zoom, ela é uma lente versátil que te permite explorar muitos "tipos" de fotos antes de escolher em que caminho se especializar (se você quiser se especializar). Assim, depois que tiver feito muitas fotos e se sentir que precisa dar o próximo passo na fotografia, souber o assunto e a distância focal que você costuma fotografar com mais frequência,  recomendo ir para a lente fixa. Me usando de exemplo, como costumo fazer fotos onde meu assunto está totalmente fora do meu controle, onde algumas vezes as distâncias são muito grandes ou até inacessíveis fisicamente (no caso de paisagens ou de animais) eu uso uma lente Zoom, ela me dá mais velocidade e flexibilidade para não perder momentos espontâneos. Uso também uma lente fixa quando faço fotografias de objetos estáticos como plantas por exemplo, ambientes internos onde eu tenho que me movimentar menos ou de paisagens mais acessíveis onde eu consigo me colocar mais próximo à cena. Só reforço a idéia de que você invista em uma boa lente, a lente que vem como kit com a câmera costuma ter uma qualidade mediana a ruim. Se conseguir compre o corpo da câmera e a lente separadamente.

 

  Tudo que falei aqui é minha opinião e não uma verdade absoluta. Repito que cada situação e propósito com a fotografia pode pedir um caminho diferente. Fique a vontade para me escrever, ou deixar um comentário nesse post juntos podemos tentar achar o que melhor atende suas necessidades.

  Para terminar, antes de tudo, boas fotografias são feitas pelo fotógrafo, a câmera é só uma ferramenta, assim como um lápis na mão do desenhista ou um instrumento nas mãos de um músico. Então, os últimos itens indispensáveis para tirar boas fotos são: 

"Compre um bom par de sapatos e se apaixone."

- Abbas